Chico Alencar | O plano espúrio de sobrevivência de Temer

Chico Alencar | O plano espúrio de sobrevivência de Temer
Crédito da foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Originalmente publicado no Facebook

O PMDB é escolado em poder, do qual vive. Por isso o governo Temer tem um projeto imediato: sobreviver, se autoproteger, e eliminar tudo o que pode atrapalhar sua permanência nos Palácios do Planalto, Jaburu e na Esplanada dos Ministérios.

As sujeiras em todos esses espaços não cessam de aparecer.Empresa de negócios público-privados, o PMDB, à luz do sol, faz a política do “mercado total”, prometendo entregar já as mal chamadas “reformas para atrair investimentos” (tradução: retirada de direitos, leniência com a corrupção estrutural e louvor ao lucro como único valor).

Nas sombras, opera para cumprir o objetivo de “estancar a sangria” da Lava Jato e de qualquer investigação que exponha  os crimes de colarinho branco.

A vitória no TSE, onde um processo foi rejeitado por excesso de provas (!), deu a senha para a “fuga para a frente” que se aprofundará agora:

1) constranger o relator da Lava Jato, o ministro Fachin, para o que não se descarta sequer o uso da ABIN para fazer espionagem, a la ditadura;

2) desqualificar Janot, o Procurador Geral da República, até o fim de seu mandato, em setembro, quando se colocará na PGR alguém “inofensivo”;

3) mudar a cúpula da PF e controlar suas atividades, em benefício do governo e seus aliados;

4) pressão sobre empresas que fizeram delação premiada, não por amor à ética e à transparência, mas como vingança e desestímulo a outras que possam querer colaborar com a Justiça, revelando seus esquemas corruptos.

Esse plano sinistro terá, por parte do PSOL, a mais firme postura de denúncia, combate e rejeição. Em palavras, iniciativas  e votos. Mas só o repúdio organizado da população nos dará forças  para a luta no Congresso Nacional.

Fora Temer, não ao seu plano sinistro, Diretas Já!

Sobre o autor

Chico Alencar é professor de história e deputado federal pelo PSOL-RJ.