Governo consegue urgência da reforma trabalhista com pressão em cima de deputados

Governo consegue urgência da reforma trabalhista com pressão em cima de deputados
Crédito da foto: J. Batista/Câmara dos Deputados

Um dia após perder a votação do requerimento de urgência para uma tramitação mais rápida da reforma trabalhista (PL 6787/2016), o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), não satisfeito com a derrota manobrou e colocou novamente o pedido em votação, em sessão do dia seguinte. Foi uma manobra ao estilo Eduardo Cunha, então presidente da Casa.

Em sessão nesta quarta-feira (19/04), Maia conseguiu os votos necessários para aprovar a urgência. Foram 287 deputados favoráveis e 144 contrários. A bancada do PSOL foi totalmente contra. Na votação do dia anterior, foram 230 favoráveis e 163 contrários, o que não atingiu o quórum suficiente para aprovar a urgência, pois o governo precisava de pelo menos 257 votos favoráveis.

Para conseguir esse feito, Maia e demais fiéis aliados do governo de Michel Temer exerceram o poder em cima dos deputados “faltosos”. Segundo matéria divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo, os mapas de votação de terça e de quarta-feira mostram que, em menos de 24 horas, foi criada uma bancada de 24 deputados “vira-casaca”: eles votaram contra a tramitação mais rápida da reforma na terça, mas mudaram de ideia e, na votação de quarta, apoiaram a tese do governo.

De acordo com a reportagem, a pressão maior por parte do governo foi em cima de partidos com ministérios. O próprio PMDB de Temer foi a legenda que mais contou com deputados vira-casacas. Quatro mudaram de ideia a favor do governo em menos de 24 horas.

Confira, abaixo, os 24 deputados que mudaram o voto da noite para o dia, a favor do governo, segundo levantamento da Folha:
Roberto Góes (PDT-AP)
Alexandre Serfiotis (PMDB-RJ)
Kaio Maniçoba (PMDB-PE)
Sergio Zveiter (PMDB-RJ)
Walter Alves (PMDB-RN)
Beto Salame (PP-PA)
Mário Negromonte Jr. (PP-BA)
Waldir Maranhão (PP-MA)
Arnaldo Jordy (PPS-PA)
Brunny (PR-MG)
Silas Freire (PR-PI)
Tiririca (PR-SP)
Jhonatan de Jesus (PRB-RR)
Jony Marcos (PRB-SE)
Gonzaga Patriota (PSB-PE)
Hugo Leal (PSB-RJ)
Tenente Lúcio (PSB-MG)
Professor Victório Galli (PSC-MT)
Victor Mendes (PSD-MA)
Pedro Cunha Lima (PSDB-PB)
Dr. Sinval Malheiros (PTN-SP)
Ezequiel Teixeira (PTN-RJ)
Luiz Carlos Ramos (PTN-RJ)
Zé Silva (SD-MG)

Sobre o autor

Foto de perfil de PSOL Nacional

Equipe da Secretaria de Comunicação Nacional