Famílias do assentamento Flexal, no Maranhão, estão ameaçadas

Famílias do assentamento Flexal, no Maranhão, estão ameaçadas
Crédito da foto: Reprodução

O mandato do deputado Ivan Valente (PSOL-SP) recebeu uma grave denúncia de perseguição a trabalhadores rurais no Maranhão, que precisa ser levada a público. Se as autoridades competentes não tomarem providências, esse cenário terrível poderá atingir proporções ainda piores.

A Fazenda Flexal, localizado no município de Santa Luzia/MA, foi desapropriada em 2004 e estava destinada ao assentamento de 570 famílias, de acordo com o Decreto Federal que tratou de tal questão. Infelizmente, não apenas há enorme morosidade no corte de lotes e demarcação de terras, como diversos crimes vêm ocorrendo sem punição. Lideranças rurais foram assassinadas por defenderem as famílias assentadas, enquanto madeireiras e um criador de gado exploram o local sem autorização legal.

A fazenda Flexal é hoje um verdadeiro barril de pólvora, à beira de um sangrento conflito armado com posseiros, grileiros e oportunistas dispostos aos mais diversos projetos. O mandato de Ivan Valente e o PSOL se solidarizam com os trabalhadores rurais do Projeto de Assentamento – PA Flexal e os apoiarão, pressionando as autoridades para que a questão da terra seja tratada com a devida dignidade para com os que nela trabalham.

Os trabalhadores assentados no PA Flexal, dentre outras questões, reivindicam:

Revisão criteriosa das famílias cadastradas no Projeto de Assentamento – PA Flexal
• Regularização fundiária do PA
• Infraestrutura adequada para as famílias assentadas
• Apuração dos crimes, de assassinatos, e de desvio de verbas
• A garantia de segurança para as famílias assentadas
• A retirada dos especuladores que atrapalham a livre organização das famílias
• Políticas de crédito financeiro para os assentados e dependentes.
Notificaremos as autoridades competentes, exigindo providências urgentes para a regularização da situação, apuração das responsabilidades pelos crimes que lá já foram cometidos, liberdade de organização e garantia da integridade física das famílias assentadas.

Fonte: Mandato Ivan Valente

Sobre o autor

Equipe da Secretaria de Comunicação Nacional